Review – Dark

Temos um dos jogos que lançou a pouco tempo, Dark é um jogo de ação stealth em terceira pessoa, desenvolvido pela Realmforge Studios. Não tenho muita coisa para descrever sobre o jogo em si já que boa parte da jogabilidade se baseia no stealth, ou seja, não é um jogo no qual seu personagem sai na porrada com as pessoas, rouba as armas e etc. É basicamente stealth e somente isso, ao longo do jogo você descobre várias habilidades vampíricas e como trabalhar com elas para completar sua missão principal que se resume a tomar o sangue do seu criador.

Os gráficos são medianos, não são ruins ou bons, pois isso não é possível de avaliar em um jogo meio cartunizado, semelhante ao Borderlands. O áudio é bem trabalhado de forma que o cenário interage com o jogador, ou seja, cara cenário, cada item e local tem seu próprio barulho.

Devo dizer que esse jogo é bem frustrante sobre a questão da jogabilidade, pois você não tem outra forma de combater que senão a stealth, ou seja, em momentos onde você foi encontrado só lhe resta fugir, pois não há como você lutar contra os inimigos. A história é um tanto confusa, pois se você analisar a situação e o inicio você tem certeza que foi criado por um ghoul, ou seja, não há esperança para você até o final do jogo.

Dark é um bom jogo para quem quer tentar um tipo de jogabilidade nova, mas não pode-se esperar muita coisa da história ou da jogabilidade para entretenimento casual, aconselho para hard core gamers.

Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Your email address will not be published.