Review: Strike Suit Zero

Strike Suit Zero é um jogo de simulação de batalha especial em Terceira dimensão, ou seja, se não tomar cuidado o jogador pode ficar um tonto de tanto girar a tela ao manipular a nave. Desenvolvido pela Born Ready Games, usando uma engine chamada XED, disponível para as plataformas Windows, Mac OS e Linux, e podendo ser obtido em vários sites de compra de jogos online. Esse jogo é um dos exemplos de jogos que foram desenvolvidos com dinheiro de KickStarter, ou seja, mais um indie para a série de reviews do site. Esse review pode conter informações sobre a história do jogo, então caso não queria saber não continue a ler.

O jogo é uma espécie de grande sandbox de espaçonaves, onde você é apenas um simples soldado que acabou de entrar para frota e tem como missão auxiliar seu superior na proteção de algumas unidades que pertencem a sua aliança. Até ai tudo está de acordo com o plot normal de um jogo de naves. Você tem disponível até onde joguei quatro naves com diferentes qualidades e defeitos, tudo isso com um grande arsenal de misseis e metralhadoras.

strike-suit-zero-52

O jogo tem uma interface 3D bem trabalhada em alguns aspectos, os cenários ao fundo tem grande capacidade de imersão e significância para você entender onde está. Entretanto, com tanta ação e mapas enormes fica complicado de aproveitar o belo cenário desenhado pelo estudo, principalmente quando boa parte das missões são baseadas na ideia de proteger um alvo especifico, então não podemos perder muito tempo parados.

Pessoalmente, não gostei muito dos controles, pode ter sido porque eu acostumei com jogos onde controlo a câmera numa composição de teclado com mouse, ou pela falta de comandos, ou simplesmente por eu não estar jogando no controle. De qualquer forma, eles não me agradaram muito, o maior problema meu ainda é fazer curvas nesse jogo, por mais que eu tenha jogado por várias horas seguidas o jogo, ainda não consigo fazer curvas tranquilamente. E devido a isso, muitas vezes acabo por colidir em naves causando danos no meu escudo.

1360693162_strike_suit_zero_3

A história é bem tranquila, de acordo com a situação, o jogador pode entender algumas coisas como o fato da humanidade ter se dividido em várias facções que lutam entre si por territórios e recursos, alguns querem apenas a destruição dos outros grupo, outros querem sua tecnologia ou recursos. Uma das coisas que não entendi foi a escolha aleatória do porque você tinha que ser o piloto do “Suit” que é uma tecnologia achada durante a expedição que tem a chance de bater de frente com a nova arma dos seus inimigos que estão em direção ao seu planeta natal, mas acredito que isso faça parte de um daqueles pontos de licença poética que as pessoas tem quando criar jogos.

StrikeSuitZero-01

O jogo é bem divertido para quem gosta do tema, mas pode ser complicado para pessoas que não estão acostumadas com jogos de naves. Entretanto, caso você tenha paciência para morrer várias vezes por coisas idiotas como bater de frente com as naves do inimigo, principalmente quando ela é um cruzador de guerra com vinte canhões. É um bom jogo para você perder algumas horas tentando aprender a jogar.

 

Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Your email address will not be published.